Fotografia

Como editar fotos (12 etapas importantes para iniciantes)

Começar com a fotografia pode não ser fácil, mas com certeza é gratificante. Existem vários aspectos que um iniciante deve aprender. Aprender a editar fotos é um deles.

Loading...

Existem inúmeras perguntas quando se trata de software e dicas básicas de edição. Com uma abordagem inteligente, esse processo pode ser libertador. Neste artigo, vamos falar sobre as principais dicas de edição de fotos e acompanhar o processo para você.

Imagem de um laptop com um software de edição em uma mesaEncontre o seu estilo único

Para começar, o mais importante é escolher um estilo que deseja aplicar às suas fotos. Ter um estilo consistente tem muitas vantagens. Dá às suas imagens um aspecto distinto e as pessoas as reconhecem imediatamente.

Também facilita a sua vida, porque você sabe o que fazer com a imagem toda vez que começa a editar.

Loading...

Inspire-se com outros fotógrafos

A criação de um estilo começa com a inspiração. Encontre fotógrafos cujas imagens sejam do seu agrado. Tente definir quais elementos de suas fotos chamam sua atenção. É a bela iluminação? Ou talvez o artista use cores para contar uma história? O que fala com você quando você olha para o trabalho dele?

Seja corajoso e experimente

Se algo chamar sua atenção, pense em implementá-lo em suas fotos. Não coloque limites sobre si mesmo. Experimente predefinições, assista a tutoriais, verifique antes e depois das fotos de outros fotógrafos. O único estilo correto de edição é aquele que melhor se adapta a você. Portanto, não tenha medo de experimentar até estar feliz.

Imagem de uma garota colocando fotos na parede.

Loading...

Fotografe em RAW para editar fotos de alta qualidade

Fotografar em RAW oferece uma vantagem significativa em relação ao JPEG. É um formato sem perdas. Isso significa que ele preserva todos os dados da imagem que a câmera captura, ao contrário dos arquivos JPEG compactados.

Embora os arquivos RAW exijam muito mais espaço de armazenamento, eles trazem o melhor das imagens durante a edição. É muito mais fácil corrigir o equilíbrio de branco, adicionar nitidez ou retificar áreas superexpostas.

Antes de tirar fotos, defina as configurações da câmera para tirar fotos RAW. Você pode querer editar suas imagens e ainda ter a conveniência de pequenos arquivos JPEG. É possível. Basta configurar sua câmera para salvar cada foto em ambos os formatos.

Loading...

Escolhendo o melhor software de edição de fotos

A primeira etapa para iniciar o pós-processamento é escolher seu software. Funciona muito bem para familiarize-se com a interface e os recursos de um programa específico antes de começar a editar.

Aproveite o tempo para explorar o que o software oferece. Ao fazer isso, você não terá que pensar em cada etapa. Seu processo de edição se tornará intuitivo e seu fluxo de trabalho mais eficiente com o tempo.

Usar uma combinação de vários programas tem suas vantagens. Mas para iniciantes, recomendamos aprender um software de edição em profundidade. Muitos programas ao mesmo tempo podem ser opressores. Cada software oferece algo único e funciona de maneira diferente.

Loading...

Não importa o que você escolha, certifique-se de que o programa suporta arquivos RAW. Conforme mencionado anteriormente, esse formato torna a edição fácil. Além disso, a imagem deve ser descompactada. Isso garante que você não perderá qualidade após a edição. Isso lhe dá mais liberdade ao organizar as imagens para mostrar seu estilo pessoal. Camadas e ajustes locais também são mais fáceis de trabalhar.

Existem alguns pontos a serem considerados antes de escolher qual software usar.

Escolha de um software de pagamento

O preço também é algo a se considerar antes de decidir sobre um programa. Algumas marcas, como a Adobe, oferecem um plano de assinatura mensal que permite o uso de vários programas por esse preço.

Loading...

Outros, como o DxO PhotoLab, funcionam como uma compra única. É possível escolher entre a versão básica e premium, dependendo de suas necessidades.

Além dos exemplos mencionados acima, alguns dos softwares mais pagos incluem Capture One, Affinity Photo e Luminar.

Captura de tela do site da Adobe

Escolha o software livre

Se você está apenas começando, talvez não queira investir em software de edição ainda. Felizmente, existem ótimas alternativas que você pode baixar ou usar online gratuitamente.

Nossas recomendações são GIMP, RawTherapee, Canva, Fotor e Darktable.

Nós mesmos os testamos. Para obter mais informações sobre esses programas, consulte este artigo.

Recorte para imagens mais equilibradas

Antes de adicionar edições à foto, é melhor cortá-la, se necessário. Isso garante que você não terá que lidar com a proporção de aspecto e composição da imagem posteriormente.

Alguns fotógrafos são contra o corte de sua imagem. Eles vêem isso como uma falha de composição e uma perda na resolução da imagem. Mas isso nem sempre é verdade. O corte pode ser uma ferramenta útil para aprimorar suas imagens.

Você pode cortar elementos desnecessários, como os galhos de uma árvore no canto. Também é possível modificar a composição recortando e reposicionando a foto.

Existem relações de aspecto regulares (por exemplo, 5: 7, 3: 2, 4: 3, etc.) que são compartilhadas por todos os programas de edição. Estas têm origem na fotografia cinematográfica, onde cada tipo de filme possui o seu formato. Vale a pena mantê-los, pois esses são os formatos usados ​​para imprimir imagens.Ferramenta de corte de um software de edição de fotos

Experimente configurações locais e gerais

Antes de ir muito fundo, você deve experimentar as configurações básicas do controle deslizante. Brinque com exposição, contraste, destaques, sombras, clareza, saturação. Veja o quanto cada um deles afeta a imagem. É fascinante como essas ferramentas simples podem ser úteis.

Se você quiser ter uma ideia básica do que ajustar primeiro, use predefinições gratuitas em suas imagens. Ao adicionar predefinições, você pode ver como funcionam e quais controles deslizantes se ajustam. Você pode usá-los para aprender como ajustar as imagens à sua maneira.

Assim que estiver familiarizado com as configurações gerais, você pode tentar algumas das locais. Saturação seletiva, Filtro graduado, Filtro radial, Ferramenta Clone ou Pincel de ajuste são ferramentas muito úteis para definir seu próprio estilo. No longo prazo, experimentar também pode ajudar a desenvolver seu estilo.

Depois de muita prática, você só precisa dar uma olhada na imagem para saber quais modificações fazer.Ajustando o equilíbrio de branco no Lightroom

Ajuste o equilíbrio de branco de sua imagem

O equilíbrio de branco representa a exatidão das cores em sua imagem. Trata-se de ajustar a temperatura e tonalidade da cor. A configuração de equilíbrio de branco tem dois objetivos. Uma é que as cores se tornam realistas e a segunda é que o branco da foto permanece branco.

Existem controles deslizantes de equilíbrio de branco na maioria dos programas de edição de fotos. Mas você também pode trabalhar com controles deslizantes HSL individuais para ajustar cada cor separadamente.

Alguns programas oferecem até uma ferramenta de seleção de balanço de branco. Esta é uma pipeta com a qual você clica na parte da foto que deveria ser branca. Com base nos tons, a pipeta calcula quanto ajuste de balanço de branco você precisa e o edita automaticamente.

Experimente variações de cores exclusivas

Este processo ajuda você a desenvolver seu estilo de edição. Além da iluminação, a escolha da cor é o principal fator que define o estilo de suas fotos. Encontre fotógrafos inspiradores e discuta o que torna sua edição tão notável.

Decida como deseja editar suas imagens, se deseja tons quentes ou frios, cores saturadas ou desbotadas. Ajuste HSL e cores seletivas de uma forma que entre em conflito com seu estilo usual. Tenha cuidado ao ajustar o matiz, saturação, intensidade, etc. No entanto, não hesite em ultrapassar os seus limites e alcançar novos resultados.

Uma foto de um cachorro fofo.

Visando correção de perspectiva e endireitamento

Ter uma perspectiva correta contribui muito para o valor de uma imagem. A perspectiva desempenha um papel na composição da imagem. Também orienta os olhos do observador pela imagem.

Ao fotografar com uma lente grande angular, a distorção da perspectiva costuma ser um problema. Felizmente, você pode corrigi-lo na maioria dos programas de edição. Isso ajuda a imagem a se parecer com o que vemos naturalmente com nossos olhos.

Endireitar também é uma ferramenta importante a ser lembrada ao corrigir a perspectiva. Você deve ter como objetivo ter pelo menos uma linha exatamente horizontal ou vertical em sua foto.

Quando se trata de paisagens, essa linha costuma ser o horizonte. Enquanto isso, com retratos, este pode ser um plano de fundo texturizado ou as paredes de uma casa.

Uma captura de tela de edição de fotos com a ferramenta de correção de perspectiva do Adobe Lightroom

Melhore suas fotos

A nitidez das fotos é obrigatória ao tentar imprimi-las porque. Você já deve ter percebido que as estampas destacam todos os detalhes. Portanto, a única vez que você deve focar muito em uma imagem é antes de imprimir. Pode parecer excessivo na hora, mas confie no processo. As impressões ficarão ótimas.

As imagens RAW geralmente perdem nitidez em comparação com o formato JPEG. Felizmente, você pode corrigi-lo facilmente no pós-processamento.

Você tem a capacidade de ajustar a intensidade de nitidez, mas deve estar ciente disso. Se você focar muito na imagem, ela ficará muito visível. Isso acabará por levar a uma aparência tensa e não natural. Adicionar muita nitidez também deixa a foto granulada, o que você deve evitar.

Ferramenta de nitidez no software de edição de fotos Adobe Lightroom

Evite editar demais suas imagens

Embora a edição de imagens possa melhorar significativamente a qualidade de suas fotos, também pode ficar fora de controle. No início, é fácil se deixar levar e fazer ajustes excessivos nas fotos.

Isso resulta em uma aparência exagerada e é especialmente comum no caso de fotos HDR e retoques de retrato.

Ao editar fotos, menos é mais. Comparar sua foto original com a imagem final ajuda a identificar quando você editou a foto em excesso.

Se você estiver fazendo isso, não se preocupe. A maioria dos iniciantes passa por essa fase ao aprender programas de edição. Após a prática constante, essa tendência desaparecerá e terminará com resultados muito mais refinados a cada vez.

Antes e depois da imagem do software de edição de fotos

Desenvolva seu fluxo de trabalho de edição

Um ótimo fluxo de trabalho é importante por três motivos.

Primeiro, dá estrutura. Saber exatamente o que fazer e como fazer economiza tempo ao processar suas imagens.

Em segundo lugar, garante que suas fotos sejam organizadas e categorizadas e que você saiba quais ferramentas pode usar para cada finalidade. Muitos programas de edição também permitem que você tenha áreas de trabalho personalizadas, o que significa que você pode ajustar a interface para atender às suas necessidades. Você também pode usar predefinições para acelerar o processo de edição.

Por último, também ajuda a manter a consistência no que diz respeito aos nomes, tamanhos e marcas d’água de seus arquivos.

Exporte suas imagens

Exportador as imagens desempenham um papel crucial em um processo de edição eficiente. Ter um conjunto de configurações salvas para diferentes propósitos economiza seu tempo e permanece eficiente.

Lentes de saída diferentes requerem fotos de tamanhos diferentes. Esteja você planejando imprimir suas imagens ou enviá-las para a internet, redimensionar sua foto é essencial. Adicionar nitidez de saída também pode ser útil, especialmente para fins de impressão.

Escolher o formato de arquivo correto ao exportar é igualmente importante. Na maioria dos casos, salvar fotos no formato JPEG é suficiente, pois é adequado para a maioria dos fins digitais. No entanto, às vezes você pode querer salvar dados de imagem não compactados para edição posterior.

É aqui que entram os arquivos TIFF e PSD. Eles permitem que você salve seu progresso de edição, preservando informações e qualidade. Normalmente, os arquivos TIFF são os arquivos que devem ser acessados ​​se você deseja imprimir suas imagens.

Você também pode adicionar uma marca d’água durante a exportação. Softwares como DxO ou Lightroom permitem que você salve uma marca d’água personalizada que pode ser aplicada à foto com apenas um clique.

Exportando o painel de um software de edição de fotos

Conclusão

A edição de fotos é como uma espada de dois gumes. Quando você tenta aprender muito cedo, pode parecer uma busca sem fim. No entanto, se você se concentrar em um aspecto de cada vez e permanecer no seu próprio ritmo, as alegrias desse processo serão infinitas.

Ao seguir nossas dicas de edição de fotos e mergulhar nelas, você está sempre no caminho certo para atingir seus objetivos de edição.

Uma coisa é certa, a edição de fotos trata de preservar os detalhes.

Se sua meta é aprimorar suas imagens usando ferramentas básicas de edição, confira nosso curso Edição sem esforço com Lightroom. Também permite que você explore a edição de fotos em maior profundidade. e aproveite ao máximo o espaço de trabalho do Lightroom.



Source link

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar